05 junho 2016

Série O Perdoar. Parte I de III

Uma das coisas mais difíceis pra mim nesse tempo de conversão foi perdoar. Lembro-me que o pastor falava de perdão em quase todas as reuniões, e que raiva eu ficava! Em 99% das vezes parecia que ele estava falando diretamente comigo como se não houvesse mais ninguém por perto! Mas claro, fingia que nem ouvia... As vezes ele fazia uma oração especial para quem tinha ressentimento por alguém e eu não ia receber mesmo sabendo que precisava pois minha raiva era tanta que meu desejo era de matar, sim, matar essa pessoa. Na minha cabeça a pessoa que deveria vir pedir perdão para mim porque ela que estava errada, logo, eu estava certa! Então pra que pedir perdão? Se a pessoa que me fez mal, ela que viesse se desculpar pelos seus erros. Era tão “obvio”!
Fora que se essa mesma pessoa viesse me pedir perdão, eu diria que perdoaria sim, mas da boca pra fora, tinha o desejo de vingança, de fazer tão mal pra pessoa sentir o que eu senti.
Foi um bom tempo com esse pensamento. Que guerra! As vezes eu até cogitava perdoar mas logo voltava o pensamento de que eu não estava errada, e etc, então me fechava novamente e esperava pelo perdão da pessoa que não chegava nunca e eu ficava com mais e mais raiva.
Até que um dia o mesmo pastor disse em uma reunião que quando não perdoamos, acabamos nos magoando com a pessoa porque esperamos uma atitude dela que essa pode nem saber que nos chateou ou magoou. Então comecei a pensar, será que a pessoa me fez mal consciente? Será que foi espiritual? Será que o tratamento que recebi é o mesmo dado a todas as outras pessoas? Então comecei a pensar. Parei de agir pelo que meu coração sentia e pelo que eu achava e comecei a usar a razão. Foi ai que percebi que a pessoa não fazia ideia do mal que havia me causado. E eu por estar chateada, estava construindo dentro de mim uma muralha impedindo de dar o perdão essa pessoa.
E agora, o que fazer? Como vou reverter esse quadro? Como perdoar??

Aguardem o próximo post! :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...  
© Blog Marque-se - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tatiana Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo